Atividades Culturais

Artigo-SEGUINDO “Em seguida dizia a todos: Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, tome cada dia a sua cruz, e siga-me”.

Artigo-SEGUINDO “Em seguida dizia a todos: Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, tome cada dia a sua cruz, e siga-me”.

SEGUINDO

“Em seguida dizia a todos: Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, tome cada dia a sua cruz, e siga-me”. (Lc 9:23)

Lucas afirma no texto acima que Jesus chamava a todos para segui-lo. O nome disso é discipulado. Não é diferente hoje do que foi para os discípulos de Jesus no primeiro século. O chamado permanece inalterado e as implicações também. Deus escolheu e chamou os cristãos para terem um relacionamento real de amor com Jesus Cristo, cheio de significado e frutos. Seguir a Cristo envolve negar-se a si mesmo, tomar sua cruz diariamente e segui-lo em obediência.

Negar-se a si mesmo é a primeira consequência do seguir. Cristo ao apresentar este desafio como implicação de segui-lo identifica a causa primeira de tudo que nos aprisiona ao modo de vida contrário a sua vontade. O egocentrismo está enraizado na natureza pecaminosa. O orgulho reclama seus direitos e quer que tudo seja feito à sua maneira. O orgulho que vive em nós nos faz pensar que sabemos melhor do que o nosso Criador como viver. Negar-se a si mesmo é deixar de viver a vida da nossa maneira e escolher fazer de Jesus nosso Senhor. Nós decidimos viver a vida da maneira dele, de acordo com sua vontade.

Seguir a Jesus envolve esforço, disciplina e amor obediente. Por isso, a linguagem é a cruz. Esta é mais uma exigência do discipulado – tome cada dia a sua cruz. Paulo sintetizou brilhantemente este pensamento ao declarar: “Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim” (Gl 2:20). Seguir a Jesus é um compromisso diário. Você não pode escolher segui-lo em alguns momentos e outros não; você não pode segui-lo em alguns lugares e outros não. É tomar a cruz cada dia. Fazer da cruz o nosso modo de vida é o propósito do discipulado. Ao negar-se a si mesmo, você morre para si. Tomar a cruz diariamente é morrer para o pecado. Isso não é uma utopia. Essa pode ser sua realidade diária. Você toma sua cruz diariamente através da morte do seu ego e do pecado. Escolha obedecer a Cristo e morra para o pecado em sua cruz. A vitória é ganha momento a momento, e Deus pode lhe capacitar para provar a realidade da sua Palavra que diz: “Sabendo isto, que o nosso velho homem foi crucificado com ele, para que o corpo do pecado fosse desfeito, a fim de não servirmos mais ao pecado…” (Rm 6:6).

Nem todos aqueles que Jesus chama estão dispostos a pagar o preço de segui-lo. Jesus descreve esta jornada como um caminho estreito e uma estrada difícil que poucos encontram. Muitos seguidores de Cristo não estão experimentando a libertação do pecado. Outros o seguem nominalmente e desprezam seu senhorio. Quando você escolhe negar-se a si mesmo, é o primeiro passo para viver a vida da maneira de Cristo. Você avança ao segundo passo quando escolhe matar sua natureza pecaminosa e decide obedecer a Cristo. Agora você o segue. As exigências são cumpridas. Você escolhe fazer de Cristo seu Mestre e Senhor. Você o obedece, vive como ele, através do Espírito Santo. Pensa e age como Ele. O chamado nunca é uma imposição. É um convite. Aceite. Negue-se. Tome sua cruz. Siga a Cristo.

Igreja Batista Mineira

José Marcelo- - prjmarcelo.gv@hotmail.com

 

Agenda Cultural

SP/Sao Paulo

‘Aguenta a mão, João!’, no Teatro de Arena Eugênio Kusnet (SP

/Brasil

Iberbibliotecas abre inscrições para Concurso de Ajudas 2018

/Brasil

Brasileiros podem participar de competição de dança folclórica na Turquia.
ANÚNCIO

Envie um email para clorindo@arteecultura.com.br

by Magix