Atividades Culturais

‘Mary Barton’, um drama duplamente pioneiro

‘Mary Barton’, um drama duplamente pioneiro

‘Mary Barton’, um drama duplamente pioneiro

Romance de Elizabeth Gaskell imortalizou as questões sociais da Revolução Industrial e elevou a mulher à condição de heroína

 

(Tradução de Julia Romeu; Record; 462 páginas) Foi por acidente que a inglesa Elizabeth Gaskell (1810-1865) pôs no centro de seu primeiro romance a moça envolvida em um triângulo amoroso do título. De origem abastada, mas simpática aos pobres, Elizabeth escancarava as mazelas dos trabalhadores na versão original, que levava o nome do pai da personagem. Acusada de subversão, reformou a trama para realçar a vida romântica de Mary Barton. Assim, fez um drama duplamente pioneiro: imortalizou as questões sociais da Revolução Industrial e elevou a mulher à condição de heroína.

 

Agenda Cultural

/Brasil

Inscrições para o Festival Internacional de Curtas de Mumbai vão até 25 de novembro

RJ/Rio de Janeiro

Cia Pequod Teatro de Animação

/Brasil

BIENALSUR. Bienal Sur – 1ª Bienal Internacional de Arte Contemporânea da América do Sul / 32 cidades de 16 países / até dezembro.

SP/Sao Paulo

7ª Mostra 3M de Arte Digital. Largo da Batata, no bairro de Pinheiros.
ANÚNCIO

Envie um email para clorindo@arteecultura.com.br

by Magix